Image //softwaredecalibracao.com.br/app/uploads/2018/07/acreditacao-iso-170252017-etapa-1-preparacao-do-laboratorio.png

Acreditação ISO 17025:2017 – Etapa 1: preparação do laboratório

Autor: Categoria: Laboratório 2 comentários
Postado em:

Imprimir artigo
No começo do mês de junho escrevi um artigo falando sobre as etapas que os laboratórios de metrologia precisam passar para conseguirem acreditação na ISO 17025. Essas etapas são: preparação do laboratório para o processo de acreditação, envio da documentação para o INMETRO e, por fim, a auditoria.

Hoje, como prometido no primeiro artigo, vou explicar a etapa de preparação do laboratório. Esse é o momento em que você vai preparar toda a estrutura da sua empresa para dar entrada no processo de acreditação junto ao INMETRO.

Preparação do laboratório para a acreditação

Na etapa de preparação do laboratório você vai pensar um pouco sobre o seu sistema de gestão, seu escopo de trabalho e, também, vai participar de um Programa de Ensaio de Proficiência. Vamos ler um pouco mais sobre cada um desses itens:

Estabeleça o sistema de gestão

O primeiro passo é estabelecer seu sistema de gestão conforme os requisitos da ISO 17025. Isso requer competência técnica dos envolvidos, já que um sistema de gestão baseado nessa norma abrange, além dos requisitos gerais, os requisitos técnicos, o que torna sua implantação bem mais específica para a área de metrologia.

A partir da versão de 2005 da ISO 17025, ela está mais próxima da ISO 9001, justamente para evitar ambiguidade de requisitos. Isso quer dizer que, se você atende à 17025, está atendendo aos requisitos técnicos de metrologia e, além disso, está atendendo à 9001.

Então, caso você já seja certificado na 9001 e queira implementar a 17025, pode ser mantido o mesmo sistema de gestão que já possui. Você precisará apenas desenvolver o que se refere aos requisitos técnicos da ISO 17025:2017.

Definição do escopo de trabalho

Quando o laboratório estiver com o sistema de gestão definido já poderá estabelecer seu escopo de trabalho. Esse item deve ser feito com bastante cuidado para que o laboratório estabeleça, de forma clara em quais áreas irá solicitar a acreditação.

O escopo deve ser preenchido nos formulários do INMETRO e as informações serão bem detalhadas. Por exemplo, para calibração de manômetro precisará explicitar: calibração de manômetros na faixa de 0 a 60 MPa e com uma incerteza de 0,50%. Além disso, o laboratório precisará ter a fórmula de cálculo de incerteza definida para conseguir estabelecer o escopo.

Dessa forma, definir o escopo do laboratório é especificar o tipo de instrumento, a faixa, e a melhor incerteza possível, que conhecemos como CMC (Capacidade de Medição e Calibração).

Programa de Ensaio de Proficiência

Depois de definir seu sistema de gestão e seu escopo de acreditação, para cada escopo definido (de áreas distintas ou não) o laboratório participará de um Programa de Ensaio de Proficiência (PEP). Para isso existem duas opções: o laboratório pode contratar uma empresa para organizar um PEP, ou participar de um ensaio desse tipo que algum órgão ou empresa esteja organizando.

Em um PEP são reunidos vários laboratórios (RBC ou rastreados) para que seus métodos e desempenho sejam avaliados. Os principais objetivos são: identificar diferenças entre os laboratórios envolvidos, propiciar informações que levem a ações corretivas, proporcionar confiança aos clientes do laboratório e fornecer dados para subsidiar o controle da qualidade.

Então, além de ser um dos requisitos para que os laboratórios sejam acreditados na norma ISO 17025, o PEP é utilizado para obtenção de confiabilidade nos resultados gerados nos laboratórios e para promover melhoria de processo.

Prepare-se para a próxima etapa

Finalizados esses 3 passos da etapa de preparação do laboratório, você poderá seguir para a próxima fase, que consiste em reunir todas as evidências dos passos anteriores e montar uma documentação para solicitar a acreditação junto ao INMETRO.

Mas por enquanto você pode focar na preparação do seu laboratório, pois no meu próximo post vou explicar um pouco mais sobre o que você vai enfrentar na etapa de envio da documentação.

Bom, espero ter ajudado com o artigo de hoje e te espero no próximo!